create counter

 Procurando um hotel? Clique aqui, faça a sua reserva e apoie o Bailandesa.nl. 

9 dicas (nada) femininas para viver na Holanda

0

Viver na Holanda me fez repensar diversos hábitos e preocupações que tinha quando vivia no Brasil. No início me surpreendi com muitas coisas e, com o passar dos anos, o impacto foi diminuindo. Hoje vejo que, não só me adaptei a essas diferenças, como incorporei algumas delas. Durante esse tempo vivido na Disney do Queijo,  reuni algumas dicas (nada) femininas para viver na Holanda ou um pequeno manual prático de sobrevivência para mulheres neste país de terras baixas e quase subaquáticas.

1. Não se estresse em fazer as unhas toda semana

Além do seu bolso, que soltará suspiros de alívio, quase ninguém vai notar. Uma lixadinha, empurradinha na cutícula e uma base vai resolver o problema. Você pode guardar o investimento para aqueles dias de ataque de dondoquice em que você quer por quer uma unha vermelha perfeita. Agora, verdade seja dita: no verão todo mundo pinta as unhas dos pés por aqui. Mas atenção, isso não significa unha feita, mas apenas algumas pinceladas e muitas vezes borradas de esmalte.

Viver na Holanda. Não se estresse em fazer as unhas toda semana.

Viver na Holanda. Não se estresse em fazer as unhas toda semana.

2. Economize em pedicure

No inverno, botas e sapatos fechados são os nossos uniformes. Sim, às vezes dá uma saudade de botar os pés pra fora, mas tem uma vantagem: depois de meses se enclausuramento, os pezinhos ficam super macios. O outro lado da moeda é que eles também ficam muito sensíveis. Aí, quando você põe aquela sandália cheia de tirinhas, os danadinhos ficam bem marcados e reclamam muito. São os chamados pés de inverno.

Mulher holandesa- Bailandesa.nl - © Matthew Kenwrick (Flickr)

As botas, muito usadas no inverno, mantém os nossos pés macios e fininhos – © Matthew Kenwrick (Flickr)

 

3. Não perca tempo com escova para alisar os seus cachos

Em primeiro lugar porque, muitas vezes, o  vento e a chuva vão combater arduamente o seu esforço. E a melhor das razões: cabelos cacheados são super valorizados aqui na Holanda. Seus cachinhos valem ouro. Conselho: aprenda a cuidar e arrumar os seus cachos. Pra terminar, um pequeno e valioso detalhe: como aqui o clima é mais seco, o cabelo fica com menos frizz.

Bailandesa Holanda

Vida na Holanda. Fica a dica: os cachos são super valorizados aqui.

4. Não se preocupe em se arrumar muito para uma festa

Os holandeses são informais e,  muitas vezes, me senti um jegue em Lavagem do Bonfim  por estar muito arrumada numa festa. Um sorriso e uma roupa casual são suficientes. Agora, se você quer mesmo vestir a sua roupa especial, por que não?

Zagreb - Croacia - © Bailandesa.nl

Dica para viver bem na Holanda: Um sorriso e uma roupa casual são suficientes

 

5. Pode repetir a roupa

Sabe aquela angústia matinal quando temos que decidir que roupa vou usar? Esqueça. Especialmente naqueles dias  de TPM em que nunca temos roupa e quando a falta de criatividade assola o nosso humor. Pode repetir a roupa tranquilamente – desde que esteja em condições higiências aceitáveis, é óbvio. Os holandeses são muito práticos e avessos à ostentação. Uma vez, ouvi um comentário no escritório:  “ Poxa, esse já é o seu terceiro vestido essa semana.”  Continuo com a minha mania de não repetir roupas, mas acho que me tornei bem mais prática.

Vida na Holanda. Dicas para viver na Holanda- Bailandesa.nl - © Matthew Kenwrick (Flickr)

Fica a dica: repetir a roupa não é pecado na Holanda- © Matthew Kenwrick (Flickr)

 

6. A bicicleta é uma peça do seu guardaroupa

Abriu a porta do armário para escolher uma roupa? Pense na bicicleta. Muita gente não se importa de combinar microsaias e magrelas. Nada contra. O problema é que eu sinto frio. Mesmo no verão, as temperaturas caem à noite e quando você anda de bicicleta aquela brisa, vira um vento gelado. Se gostar, considere uma legging ( mas não branca, please!) e sempre tenha uma pecinha extra na bolsa como um xale, um casaquinho leve.

Dicas para viver na Holanda - Vida na Holanda

Lembre do conforto e do frio ao escolher uma roupa

7. Economize na compra de sandálias

Toda vez que me apaixono por uma sandália na vitrine, conto até 10. O clima daqui nos permite usar sapatos abertos no máximo 1-2 semanas por ano. As sandálias ficarão solitárias e esquecidas no seu armário por meses. Como muitas colegas de paixão por sapatos, à vezes não resisto, mas procuro optar por modelos que vão durar mais do que uma temporada e que ao abrir o armário no próximo verão, não pareçam uma peça de museu.

Dica para Viver na Holanda

Vida na Holanda, O uso de sandálias é restrito a 1 a 2 semanas por ano. Lembre-se antes de comprar!

 

8. Pense e repense os saltos altos

Se você é daquelas que literalmente não saem do salto, pense bem antes de calçar o seu stilleto na Holanda. Aqui, usamos menos o carro. O transporte público e a bicicleta são os meios mais comuns. Em geral,  andamos mais e caminhamos por  ruas antigas com pisos irregulares, capazes de torcer tornozelos de equilibristas. Por isso só arrisque saltos bem altos se você tem mestrado em corda bamba. Eu não dissocio elegância de conforto, por isso a altura dos meus saltos foram reduzindo à medida que os anos de Holanda foram aumentando.

Mulher holandesa - © Matthew Kenwrick ( Flickr) - Bailandesa.nl

Vida na Holanda. Saltos altos? Deixo para as equilibristas e corajosas – © Matthew Kenwrick ( Flickr)

9. Se gostar, capriche na maquiagem.

Apesar de descontraídas e informais, as holandesas cuidam da maquiagem. Não vejo muitas caras lavadas por aí.  Tenho uma dica essencial para quem curte maquiagem:  use um rímel à prova d’’água para não virar um panda com as chuvas frequentes ou as lágrimas inevitáveis na bicicleta com o vento gelado do inverno.

Bicicleta Chuva _ Holanda ©Bailandesa.nl - Vida na Holanda

Lembre da maquiagem à prova d’água.

Se identificou com o texto? Tem mais alguma dica para aumentar a lista? Fique à vontade.

Share.

Leave A Reply