create counter

 Procurando um hotel? Clique aqui, faça a sua reserva e apoie o Bailandesa.nl. 

Custo de vida na Holanda em 2019. O que muda?

4

Que o custo de vida na Holanda é alto, não é nenhuma novidade. O que nem todo mundo sabe é que em 2019, alguma coisinhas vão mudar e vão impactar o seu bolso. Continue lendo e confira o que pode mudar no seu orçamento.

Alimentos, diversão e reparos devem ficar mais caros

O BTW é o imposto que incide sobre mercadorias e serviços. Pode-se dizer que é o equivalente ao ICMS no Brasil. A tarifa é normalmente de 21%, mas para alguns produtos e serviços, o BTW tem uma alíquota baixa, que hoje é de 6%]. Mas em  2019, a situação vai mudar:  a alíquota de 6% passará para 9%. E o que o seu bolso tem a ver com isso?  Infelizmente, muito.  Produtos como  alimentos, água, livros, medicamentos devem ficar mais caro, uma vez que a alíquota passará de 6 para 9%. E não para por aí: consertar a sua bicicleta, ir ao cinema, fazer reparos na sua casa., tudo isso provavelmente vai ficar mais caro. A gente já sabe,né? Quando o imposto aumenta, na grande maioria das vezes quem paga a conta é o consumidor

Stroopwafel - comida típica da Holanda - ©Bailandesa.nl

Alimentos devem ficar mais caro com o aumento do BTW – (c) Bailandesa.nl

O preço do trem e o custo de vida na Holanda

Transporte é um dos fatores que influenciam (e muito) o custo de vida na Holanda. O trem, que já não é barato, é superutilizado e vai ficar ainda mais caro em 2019. A tarifa da 2a classe vai aumentar em média 1.8% para acompanhar a inflação, mas não é só isso. O BTW (o ICMS holandês) vai aumentar de 6 a 9% e essa vai ser a cereja no topo desse aumento de 1,8%. Ou seja, andar de trem vai pesar ainda mais no seu bolso no próximo ano. Sem falar que existem muitas reclamações sobre constantes atrasos e trens cheios. Será que o aumento vai refletir num aumento de qualidade?

Custo de vida an Holanda

O trem na Holanda, que já não é barato, vai ficar ainda mais caro em 2019 – Bailandesa.nl

Vai ficar mais fácil fazer o upgrade para a  1a classe

Não só o bilhete vai ficar mais caro, mas também o cartão anual de desconto. Mas atenção: o aumento vai ser apenas na 2a classe. Assim, a diferença de preços entre as classes vai diminuir. Também, segundo a ferrovia holandesa, ficará mais fácil para fazer um upgrade de classes.

Leia também: Transporte público na Holanda. Um guia do OV Chipkaart

E o meio ambiente com isso?

O aumento da tarifa do trem é um golpe na luta por uma Holanda mais consciente com o meio ambiente. Quando  preço do trem aumenta, as pessoas ficam ainda mais desmotivadas a deixar o carro em casa. O que vai totalmente de encontro com a medida tomada em Amsterdam de aumentar a tarifa do estacionamento.

Aumento no estacionamento em Amsterdam

Ah, se o trem tá caro, então vou de carro. Hummm, melhor pensar direitinho. Estacionamento nas maiores cidades holandesas é caro e em Amsterdam vai ficar proibitivo. E a razão é muito simples: desestimular o uso do carro no centro de Amsterdam. Assim, a capital holandesa, que já tem um custo de vida pra lá de alto, vai ter uma das tarifas de estacionamento mais caras do mundo.

ho

Amstedam Holanda - custo de vida na Holanda

A melhor maneira e mais barata) de visitar Amsterdam é com o transporte público ou de bicicleta. O estacionamento no centro é muito caro. c) Bailandesa.nl

Confira o custo de estacionamento no centro das principais cidades holandesas:

  • Amsterdam: 5,00 (agora) – 7,50 euro/h em 2019
  • Utrecht: 4,71 euro/h
  • Rotterdam: entre 3,20 e 4 euro/h
  • Haia: 2,70 euro/h

 

A partir de abril 2019, estacionar no centro histórico de Amsterdam vai custar €7,50 por hora; €2,50 mais caro do que o preço atual. Mas você não vai pagar essa tarifa em toda cidade. Olha só no mapa como as tarifas serão distribuídas

Custo de vida na Holanda - estacionamento

As tarifas de estacionamento variam de zona para zona em Amsterdam – (c) autoblog.nl

Aumento no Plano de Saúde e o custo de vida na Holanda

Se já está assustado com o custo do transporte e estacionamento, segura o coração porque cuidar da saúde também vai ficar mais caro. As mudanças foram anunciadas no Prinsjesdag e sim, vão afetar o custo de vida na Holanda em 2019,  Você vai pagar pelo menos 10 euros a mais por mês.

 

Custo de vida na Holanda - Planos de Saúde

No final do ano é hora de comparar os planos de saúde e escolher o que melhor de adequa às suas necessidades  –  (c)ANP xtra Koen Suyk

Você já leu? Médico na Holanda: A arte do Huisarts

O Risco Próprio não aumenta

A boa notícia é que o risco próprio (eigen risico) não vai aumentar. Ele permanece €385 – o que já não é baixo, né?  Mas o que é esse tal de risco próprio? É o valor que sai do bolso. Sabe aquela história da franquia do seguro do carro? É mais ou menos o mesmo conceito, mas as suas visitas ao Huisarts (ou clínico geral, também chamado, médico de família) não contam.

Você pode ter direito a uma ajuda do governo

Mas tem um alívio aqui: pessoas de baixa renda serão compensadas. Deixa eu explicar melhor: como ter seguro saúde é obrigatório na Holanda, o governo oferece o subsídio para cidadãos de baixa renda , ou o chamado zorgtoeslag. Para pessoas que moram sozinhas, estima-se um máximo de € 94 extra e para famílias, um máximo de € 281 extra. Os valores definitivos serão confirmados quando as seguradoras confirmarem o valor das suas mensalidades.

Alguns remédios não serão mais cobertos pelos planos

Sempre falo que o Paracetamol é o elixir miraculoso da Holanda, mas até o elixir vai sofrer cortes no ano que vem. O paracetamol 1000mg não será mais coberto pelo plano. E não só ele, os suplementos alimentares também foram cortados do pacote básico. Assim, pessoas que fazem uso desses vão ter que desembolsar mais. Em compensação, o gasto pessoal máximo com medicamentos ficou limitado a € 250.

Custo de Vida na Holanda

Alguns medicamentos não serão mais cobertos pelo pacote básico como o Paracetamol 1000g – (c) Max Pixel

Você deve gostar de ler: Dor, Holanda e Paracetamol

Tratamentos incluídos no Pacote Básico

Sim, os custos aumentaram, mas outros tratamentos também foram incluídos no pacote básico, como tratamentos para obesidade mórbida e fisioterapia respiratória serão cobertos. No entanto, para  a obesidade mórbida, conta-se o risco próprio.

Boas notícias?

E pra terminar com uma boa notícia: a mudança na Regra dos 30% que é bem vantajosa para expats foi adiada em 2 anos e isso vai dar uma aliviada no custo de vida para imigrantes que vêem trabalhar na Holanda.Saiba mais sobre a regra dos 30%.

E aí? Você achou esse artigo interessante ou útil? Curiosa pra saber a sua opinião. Conta pra gente

 

Share.

4 Comentários

Leave A Reply